Sobre…

1 08 2009

…a verdade

verdade-mentira O que chamamos de verdade nada mais é do que um posicionamento sobre determinado assunto. Para que algo seja aceito como verdade é necessário que este posicionamento seja aceito por mais de uma pessoa. A verdade por ser apenas uma convenção sobre algo não pode possuir donos. A verdade quando começa a existir é passível de mutações e aperfeiçoamentos, justamente por conta disso ela pode ser, em diferentes pontos de uma linha cronológica, contradizente a si mesma.

Ao mesmo tempo que a verdade é o posicionamento coletivo sobre determinado assunto, chamamos de mentira tudo o que não for convencionado a ser verdade sobre os mesmos termos. A verdade por si só é excludente, sendo uma única verdade contra várias mentiras quando vista apenas por um grupo.

Invariavelmente, apenas se diferenciando os coletivos, podemos dizer que há várias verdades sobre o mesmo assunto, e por si poucas mentiras. A mentira em si não pode ser considerado o antônimo de verdade, pois a mesma não necessariamente tem o sentido oposto e sim tudo o que é diferente.

Post Scriptum: “se isso é verdade ou mentira até eu estou em dúvida”