A tropa de elite está na rua…

3 08 2009

… ou melhor no Senado

Não pense que estou falando das gravações de um 2º filme que tem José Padilha na Direção. Estou falando é do Excelentíssimo Senador José Sarney, sim, dos casos dele. Não é meu papel discutir ou expressar minha opinião sobre o que está acontecendo atualmente na política brasileira. O papel deste julgamento está em cada um dos brasileiros.

oep O que chamo de “tropa de elite” e a imprensa de “tropa de choque” é justamente o que tive a oportunidade de ver hoje no plenário do Senado Federal, coisa que poucos brasileiros se interessam em saber. Durante o discurso do Senador Pedro Simon (PMDB/RS) houve bate-boca e agressões verbais para todos os lados. Pedro Simon estava defendendo seu posicionamento perante as acusações que recaem sobre o atual presidente do Senado. A “tropa de elite e de choque” se colocaram à frente da batalha através de dois Senadores muito manjados do povo brasileiro, Renan Calheiros e Fernando Collor.

O que assisti realmente foi o que considero inadequado para uma casa de importância tão grande e reconhecida para o que chamamos de Democracia e Republica. E me pergunto até onde isso vai.

Mas este post, que é impossível de ser curto, é apenas para me indignar com o que aconteceu, não a discussão, não a falta de ética e educação, mas sim sobre as ameaças feitas. Foi visível o fato de Senadores terem montado dossiês contra os outros. Sobre a ameaças de “Se continuar eu falo”. Uma vergonha, ameaças? Esconder o que? Para que? Eles defendem quais interesses? Os deles ou os do povo?

Post Scriptum: “saudade dos tempos que não vivi onde o povo era ativo e saia as ruas com alguma definição na cabeça”