Sem tempo…

21 07 2009

…só quem quer.

É óbvio que nos dias de hoje, tempo é uma coisa rara para muitos. No fundo, no fundo mesmo, quem quer arruma tempo. Seja lá para o que for. Eu não tenho tempo pra muita coisa, mas para tantas outras eu acabo conseguindo.

ampulheta Só não tem tempo nos dias de hoje quem não quer. Home-office, internet, celular, sms, msn e as boas e antigas cartas continuam me ajudando a conseguir me relacionar e inter-relacionar com um mundo de gente. E não é pouca não!

Sem tempo, mas com muita disposição para ficar com menos tempo ainda. Sendo assim continuo sendo o que nunca fui… confuso só para quem não entende… e com um fuso sempre disponível.

Post Scriptum: “Em terra de olho quem tem um cego… errei” – By Maçã Envenenda